Desenvolvimento Social

Seminário comemora 28 anos do ECA

O Conselho Tutelar de Itapetinga e a Coordenação de Conselheiros Tutelares do Território Médio Sudoeste realizaram, nesta sexta-feira, 30, o II Seminário em Comemoração aos 28 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente. Com o tema “Não proteger a Infância é condenar o futuro”, o seminário debateu os 28 anos do ECA, seus avanços, desafios e suas perspectivas. Os palestrantes convidados debateram, ainda, a rede de atendimento a Criança e ao adolescente, além da atuação e atribuições do Conselho Tutelar.
No salão da Casa da Amizade, o grupo debateu o polêmico tema da diminuição da maioridade penal.
No momento da abertura oficial, o Seminário contou com a participação da promotora Maria Imaculada, a secretária de Desenvolvimento Social, Virgínia Brito, o Conselheiro Estadual, Jorge Farias, a presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente, Luciene Correia e o comandante da Guarda Municipal, Weltmo Vieira.
Após a apresentação do grupo Guerreiros de Judá – grupo que busca a evangelização de crianças e jovens através do jiu jitsu – a promotora Maria Imaculada falou sobre a importância da educação e disciplina para um futuro mais rico.
Um dia repleto de ricos debates se seguiu com as apresentações dos palestrantes Cleber Sousa (assistente social, pedagogo e psicopedagogo), Adão Luz (Assistente Social), Ricardson Gusmão (psicólogo) e Isabela Mattos (Bacharel em Direito).
Criado em 1990, o Estatuto da Criança e do Adolescente é um documento formado por um conjunto de leis que garantem os direitos das crianças e dos adolescentes no Brasil.