Saúde

Prefeitura de Itapetinga organiza plano estratégico de combate à dengue

A prefeitura de Itapetinga organiza um trabalho conjunto que unirá poder público, grupos de comunicação de Itapetinga e a sociedade civil na luta contra o Aedes Aegypti. A Secretaria de Saúde, através dos Agentes de Combate às Endemias, se prepara para desenvolver uma série de ações estratégicas para o enfrentamento de doenças como dengue, zika, chicungunya e febre amarela (as chamadas arboviroses).

Com o período do verão e das chuvas, o risco de transmissão dessas doenças cresce. Por isso, a Prefeitura trabalhará para evitar uma epidemia de dengue na cidade. Um dos principais pontos do plano é a intersetorialidade. As ações previstas envolvem diversas áreas da administração pública, como Saúde, Gestão e Finanças, Obras e Serviços Públicos, Assistência e Desenvolvimento Social, Educação e diversos outros setores em ações especificas e pontuais.

Todos os setores trabalharão na manutenção e limpeza de áreas públicas, em campanha informativa, no monitoramento de infestação do mosquito Aedes Aegypti, nas vistorias de imóveis e assistências à saúde – que oferecerá exames laboratoriais específicos e demais atendimentos para garantir um atendimento eficiente.

Campanha Informativa

Um dos pontos mais importantes do plano é sensibilizar a população sobre os riscos decorrentes da falta de cuidados preventivos contra a proliferação do mosquito. Pensando nisso, o PCFAD (Programa de Combate à Febre Amarela e Dengue) dará início a uma ampla campanha informativa, a fim de conscientizar os moradores de todos os bairros da cidade. Com o Slogan “Todos Contra a Dengue”, a iniciativa vai envolver veículos de comunicação, para dar visibilidade ao tema e mobilizar a sociedade.

“Nosso objetivo é esclarecer que a rotina de prevenção contra criadouros precisa acontecer o ano todo, todos os dias. O ciclo do mosquito leva, em média, apenas uma semana para ser concluído. Queremos, ainda, alertar sobre os perigos mais comuns inerentes a cada estação, para lembrar a população, diariamente, sobre a sua fundamental participação nesse processo”, explica o Coordenador municipal de Combate às Endemias, Márcio Ribeiro, agradecendo em especial a participação e o envolvimento do Diretor da Vigilância à Saúde, Victor Gama, e do Coordenador da Vigilância Epidemiológica, Orlando Couto Nunes nesse trabalho conjunto.

Combater a Dengue é um dever meu, seu e de todos nós!

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support